Feeds:
Artigos
Comentários

Aprendizados

Hoje, no ônibus, retomei a leitura sobre comunicação interna. O capítulo discutia sobre o papel da comunicação em tornar o discurso da responsabilidade social em práticas de valor.

Além da motivação de pensar na geração de renda, novos empregos ou manutenção dos atuais, as empresas possuem um papel fundamental como agentes sociais para garantia de uma sociedade mais correta e rica.

Continuando a conversa de ontem…

Quando você tem a preocupação de comprar moeda estrangeira para viajar, passa a gostar cada vez mais de economia e fica triste quando alguém ataca um país ou tem desastre natural. Afinal, a moeda sobe. 😦

No mais, o aprendizado fica para o resto da vida. você aprende a valorizar mais onde vai investir seu rico dinheirinho.

Outra lição é escolher onde comprar, valor de confiança, local seguro. Tudo tem que ter muita atenção. Sempre compare entre agências. Dependendo do valor a ser comprado, existe margem de negociação. Nunca aceite o primeiro valor.rs.

Além disto, faça uma boa lista de todos os documentos importantes para ficar na bagagem de mão numa pasta de fácil acesso para a hora que você chegar no país estrangeiro.

1. Comprovante de passagens e hospedagen
2. Se você comprar com cartão de crédito de terceiro, provavelmente terá que preencher formulários especiais.
3. Lista de endereços e telefone
4. Comprovantes de eventos, negócios e visitas

Seja organizado!

Abraços

Quem diria que o tempo passaria tão rápido…

Já estou a menos de 1 semana de viagem. As malas já estão quase prontas, agora é hora de fechar as anotações para o check-list.

O melhor de tudo isto é o aprendizado que fica. Algumas dicas para quem vai para o exterior pela primeira vez:

1. Faça um bom budget e uma projeção de gastos com passeios, comidas, transporte, hospedagem
2. A pesquisa é fundamental. Quanto mais blogs com dicas de descontos em peças da broadway, onde é melhor comer, tipos de transportes, entendimento cultural. Leia, algumas coisas você deleta e filtra, mas sempre tem algo bacana para aprender.
3. Antes de viajar, são necessários várias etapas.
4. Passaporte fica pronto rápido, basta agendar com prazo.
5.Agende o visto americano com bastante antecedência e seja organizada. Meu pai me orientou sobre quais papeis importantes levar, a ordem de colocá-los e separá-los numa pasta de fácil acesso. Nunca deixe pra pagar a taxa do Citibank no mesmo dia. Fica um prazo ruim e nunca se sabe se o banco ficará fora do ar. Se a sua cidade não tiver Citibak como é o caso de Vitória, viaje um dia antes, aproveite o RJ/SP e pague com antecedência.
6. Na hora da fila, seja gentil e preste atenção em tudo. Engraçado que aqueles barracos, escândalos e gritarias, pensava que só via em filmes e talz. Mas é verdade. No dia que fui, uma senhora ficou desesperada porque não tinha pago a taxa e tentou correr com a pasta de um dos assistente que anotava os nomes e quem estava ok. Gritarias, ofensas só vão te afastar da possibilidade de ter o visto.
7. Na hora da entrevista. Tenha tranquilidade, responda tudo de forma objetiva e calma. Se ele perguntar: Você gosta de arroz? A resposta é sim ou não. Nada de sozinho, eu não gosto, mas com feijão fica bom. Eu tive o privilégio de fazer a entrevista com 16 perguntas, rs, metade em português e a outra parte em inglês.
8. Comemore o visto.rs.
9. Visto em casa. Agora, é hora de contratar um seguro viagem. Como primeira vez, optei pelo completo e fiz pela STB.
10. Com a facilidade de pagar tudo com Visa ou Mastercard. Faça um Cashpassport (Visa Travel ou Mastercard). Optei também pelo STB pela facilidade de serviços. Não custa nada e você pode ativar o cartão a partir de depósito de U$ 250,00.
11. Como estudante, fiz a carterinha da STB também para ter direito aos descontos.
12. Sempre leia com atenção na hora de comprar as passagens o que cada linha área permite você levar e talz.

Em breve, mais dicas!

🙂

Live I

Chat IoI

Chat 02

Chat 02

Chat 01

Click Here